Cinema, Copywriting e Vendas

O cinema é um dos melhores lugares para se buscar inspiração para técnicas de vendas, pois Copywriting (escrita persuasiva) é característica básica dos grandes roteiristas.

Na última semana em uma viagem de férias na Argentina, visitei o local que mais parecia uma paisagem cinematográfica, era uma pista de esqui em Bariloche na Argentina. Não tenho dúvidas que algum filme já deve ter sido gravado lá!

Mas o que me chamou a atenção foi uma técnica de vendas que presenciei com um dos guias turísticos do local,o rapaz era tão bom que até poderia escrever algum roteiro de filme, e é isso que vou compartilhar com vocês hoje!

Bariloche é linda, é possível aproveitar o verão e o inverno.

Eu estava indo em um micro-ônibus para Bariloche, e como você pode imaginar é um local com muita neve no inverno, mas não estava tão frio assim no dia, tinha até um pouco de sol saindo.

Dava pra aguentar com jeans e uma jaqueta um pouquinho mais grossa que o normal. Só que no momento em que a gente estava alguns quilômetros do local, o motorista do micro-ônibus resolveu conversar sobre o frio em Bariloche.

Ele primeiro comparou quão frio estava em Buenos Aires, que a temperatura estava 10 graus; logo depois buscou no Google para mostrar a temperatura em Bariloche, e o Google dizia que a temperatura ia ser menos 1 grau, e a sensação térmica de até menos 2 graus.

Ou seja, ia estar muito frio, ai eu pensei “poxa, mas porque o rapaz está fazendo todo esse drama?”, minutos depois eu tive a resposta, chegou a parte da venda em si, pois magicamente e por coincidência o rapaz tinha uma loja para alugar roupas, luvas, jaquetas, calças, botas, qualquer roupa para preparar a pessoa para suportar o frio.

Então a ideia que eu quero passar como dica pra você usar no seu marketing nos negócios, é que muita gente principalmente quando começa não tem provas e depoimentos suficiente para dizer porque o produto é bom.

Se eu quero vender um produto e só eu falar que o meu produto é o melhor óbvio que eu sou suspeito pois fui eu que criei, então por isso a gente sempre usa provas e depoimentos para vender.

E o que a gente faz se ainda não tem depoimentos e nem provas de outras pessoas para dizer que o nosso produto é bom?

Uma das maneiras de fazer é trazer fatos e provas de terceiros. No exemplo do motorista do micro-ônibus, ele falando com o objetivo de vender o aluguel da roupa, se ele simplesmente fala-se “Lá em Bariloche vai estar muito frio”, talvez passasse batido, a gente não ia acreditar.

Mas do jeito que ele fez mostrando a temperatura no celular e fazendo comparações, aquilo teve um impacto muito maior do que só falar; primeiro pelo contraste que ele fez; e segundo por ser uma “prova” de uma fonte confiável de terceiros, que no caso era o Google que ele usou para pesquisar a temperatura no celular e provar que era verdade.

Não era simplesmente ele falando o que ele achava, mas sim uma outra fonte confirmando.

Por exemplo, tenho um amigo que vende um curso de como montar um loja de roupas, quando ele vai falar sobre o produto ele sempre exibe matérias de sites de credibilidade mostrando o tamanho dessa indústria nos Estados Unidos em comparação ao Brasil. Portanto ele se preocupa em sempre ter em mãos artigos recentes e de valor falando sobre o e-commerce brasileiro, o crescimento que teve nos últimos 10 anos para realmente provar.

Então para você conseguir convencer o seu cliente a comprar de você de uma maneira que só um roteirista de Hollywood conseguiria, use provas de terceiros, fatos e depoimentos de clientes (caso você já tenha algum), e mescle tudo isso dentro de uma história legal, é isso que esse o motorista DE Bariloche fez, por isso que funcionou, e por isso que teve muita gente que acabou alugando a roupa.

Você provavelmente não vai ter um fato de terceiro para provar que seu produto é bom no começo de sua jornada, mas você não precisa provar só isso, você pode primeiro provar que o seu produto ou serviço é baseado em algo reconhecido pelo mercado ou por algum estudo. Por exemplo, se o seu produto é curso de vendas pela internet, você pode apresentar diversas matérias em grandes sites como G1, UOL, Estadão, com matérias mostrando pessoas que tem sucesso fazendo vendas pela internet.

Então você consegue com fatos de terceiros provar que cada ponto da sua oferta é verdadeira, até chegar na última parte que é quando você mostra os seus resultados ou resultados dos seus clientes, mas isso você vai melhorando com o tempo conforme você cresce o negócio.

E uma maneira de intensificar isso assim como o motorista do micro-ônibus fez é tentar demonstrar ao vivo, por exemplo, ele poderia ter dito “hoje de manhã eu li no jornal que vai estar frio de noite”, ajudaria mas não seria tão forte, ele foi mais intenso e mostrou a temperatura no celular ao vivo, e acabou funcionando bem melhor e converteu muitas vendas.

Cinema, vendas e copywriting tem tudo a ver! Grande abraço!

Os comentários estão desativados.